CONVERSAÇÕES SOBRE CINEMATOGRAFIA

com Lucio Kodato, ABC

Abordando vários aspectos da Cinematografia de títulos que contêm um impacto de imagem. Muito importante tanto para os Diretores de Fotografia, quanto para Diretores, quanto para todos os participantes do audiovisual (incluindo os estudantes), que queiram aperfeiçoar seu conhecimento do material, dado por um veterano Diretor de Fotografia e experiente professor.

Links dos títulos serão postados, para acesso imediato do participante matriculado, bem como trechos dos filmes que serão estudados.

CONTEÚDO DO CURSO

 CONVERSAÇÕES SOBRE CINEMATOGRAFIA Lucio Kodato, ABCh
1 “A AVENTURA” e triologia do Diretor Michelangelo Antonioni e DF Aldo  2
 Scavarda; marco do Modernismo no Cinema. Enquadramentos abertos.  
  “AKIRA KUROSAWA”um dos principais Diretores japoneses mas que os   
  conterrâneos consideravam demasiado ocidental.  
    
2“MY BLUEBERRY NIGHTS” (Um Beijo Roubado) Diretor Wong Kar-Wai e DF Darius Khondji, meses na pesquisa de locações, 2
 utilização de cores e lentes na criação do estilo, quebra de eixos?  
 “GIRL WITH A PEARL EARING” (Moça com Brinco de Pérola) Diretor Peter Webber e DF Eduardo Serra  
 e Johannes VERMEER – Master of Light  
    
3“ROAD TO PERDITION” (Estrada para Perdição) – diretor Sam Mendes DF Conrad Hall, cinematografia irritantemente perfeita 2
 “IDA” – diretor Pawel Pawlikowski e DF Lukasz Zal – pesquisas de locações  
  e enquadramentos  
    
4“VITTORIO STORARO” – Appocalypse Now, One from the Heart, The Conformist, etc  
   2
5“ROGER DEAKINS” – Sicario, Blade Runner 2049, 1917, etc  
    
6“EMMANUEL LUBEZKI” – The Revenant, Birdman, Song to Song 2
    
7“LOST IN TRANSLATION” (Encontros e Desencontros) – Diretora Sofia Coppola, DF Lance Acord. 2
  Filme de baixissimo orçamento, filmado em locações em Tokyo  
  “PARASITE”(Parasita) – Diretor Bong Joon-ho, DF Hong Kyung-pyo. Filme de ótimo orçamento,  
 filmado em cenários construidos para o filme.  
    
8“CANTA MARIA” – diretor Francisco Ramalho Jr., DF Lúcio Kodato; luz solar do Nordeste Brasileiro, 2
  equilibrio entre interior e exterior  
 “MARÉ NOSSA HISTÓRIA DE AMOR”- diretora Lúcia Murat, DF Lúcio Kodato; Super16, 2
 filmagens em comunidades e as dificuldades, iluminado com as sobras das luzes disponíveis,  
  câmera em busca de experiências imersivas  
9“XINGÚ/TERRA” – diretora Maureen Bisilliat, DF Lúcio Kodato, 16mm, película, utilização de sòmente da luz natural 2
  utilização de sòmente da luz natural  
    
10“LENINE IN CITÉ” e “JOBIM SINFÔNICO” – gravações para DVD com multi cameras e as iluminações 2
  Comerciais diversos; filmagens de autos como Toyota RAV e outros  
    
  horas do curso20
Lucio Kodato, ABC - Direção de Fotografia

Lucio Kodato, ABC

Diretor de Fotografia

Nasceu em São Paulo em 29 de março de 1947. Começa seus estudos de fotografia em 1969 na Escola Enfoco, dirigida por Clode Kubrusly, contando com palestrantes como Maureen Bisilliat, Claudia Andujar, George Love, Luigi Mamprin e Cristiano Mascaro. Inicia sua atuação profissional em 1969 como fotojornalista nos diários O Estado de S.Paulo e Jornal da Tarde. Em 1970, prossegue sua formação na área de cinema como assistente de câmera e depois como diretor de fotografia, participando, entre outros, nos filmes Cordélia, Cordélia dir. Rodolfo Nanni; “À Flor da Pele” dir. Francisco Ramalho (1976); “Os Anos JK – Uma Trajetória Política” (1980) e “Jango (1984) – dir. Silvio Tendler; “Todos os Corações do Mundo” – dir. Murilo Salles (1996); “Canta Maria dir. Francisco Ramalho (2006); “Maré, Nossa História de Amor – dir. Lucia Murat (2008); “Nervos de Aço – dir. Maurice Capovilla (2016); “O Galã” – dir. Francisco Ramalho Jr. (2016).

Como diretor de fotografia do documentário “Xingu/Terra, recebe o prêmio  de Melhor Fotografia no XIV Festival de Brasília do Cinema Brasileiro (1981); dirige também a fotografia do documentário “O Turista Aprendiz (Sala Especial na XIV Bienal de São Paulo, 1985), ambos de autoria de Maureen Bisilliat. Entre outros trabalhos, estão os exibidos na TV Brasil em março de 2014: “Advogados contra a Ditadura”, “Militares da Democracia”, Poema Sujo” – Ferreira Gullar – dir. Silvio Tendler; exibido na Globosat – “Brasil Místico – dir. Silvio Tendler; “A Alma Imoral” – dir. Silvio Tendler / Nilton Bonder; “Dedo na Ferida” – dir. Silvio Tendler nos cinemas; exibida pelo Canal TNT: a Série Curtas TNT (6 curtas de jovens Diretores a partir de um concurso de Roteiros promovido pela TNT – 2017).

Foi Diretor de Fotografia de 2ª unidade das produções internacionais: “Floresta das Esmeraldas” – dir. John Boorman, dop. Philippe Rousselot, ASC, AFC (1985) e “Luar sobre o Parador”- dir. Paul Mazursky, dop. Don McAlpine, ASC, ACS (1988)

Estudou e trabalhou no Japão (Tokyo) de 1973 a 1975. Algumas produtoras: Cat Inc. Commercials, Ari Productions, Tokyo Cinema, Group Gendai, K.K. Kagaku Eiga Seisakujo, TV Man Union, TBS Commercial.

Foi professor em diversas instituições pelo Brasil: Oficina de Artes João Donato – Acre, Vila das Artes – Ceará, Escola Sulamericana de Cinema e TV – Paraná, AIC – São Paulo, Polo de Cinema de Paulínia – São Paulo Atualmente ministra aulas na Escola Livre de Cinema e Vídeo em Santo André, SP.

FORMATO

Online ao Vivo –  10 sessões de 2 horas

Horário  Segunas e Quartas das 20:00h às 22:00h

Número máximo de participantes : 15

Início : 31 de Agosto de 2020

INVESTIMENTO

 valor:  3 x R$ 220,00 

Teams2

Plataforma Microsoft Teams Educacional

Nossos Cursos Online Ao Vivo serão realizados na plataforma Microsoft TEAMS Educacional totalmente gratuita, que combina videoconferências e organiza arquivos e outros recursos como numa sala de aula.
O Microsoft TEAMS Educacional é hoje usado em cerca 138mil instituições de ensino no mundo e seu uso aumentou em 894% de janeiro para junho de 2020.
Ao se matricular você receberá instruções para o download e login e senha para seu uso.Nosso suporte técnico estará disponível para você desde a instalação do Microsoft TEAMS até sua entrada em seu curso escolhido.